10 de maio o Brasil vai parar

A data foi escolhida para simbolizar o perigo que ronda a vida dos trabalhadores brasileiros, caso o golpe à democracia brasileira seja consumada.

“O que está em risco são os direitos trabalhistas, ameaçados por mais de 55 projetos de lei que tramitam no Congresso Nacional e os programas sociais”, alertou Jaelson Dourado, presidente do Sindicato dos Comerciários de Salvador.

“Nós atenderemos o chamado da CTB e sairemos às ruas, em defesa da democracia. Não poderemos nos furtar de lutar contra o retrocesso das conquistas populares”, avisou Adilson Alves, presidente do Sintrasuper.

Os comerciários avaliam que os trabalhadores e seus direitos sociais e trabalhistas se encontram em sério perigo e os impactos em um eventual governo Michel Temer, seriam catastróficos para o povo brasileiro, uma vez que o programa denominado de “Ponte para o Futuro”, defendido por Temer, ao contrário do nome, representa um regresso a um passado que tem o objetivo de destruir os programas como o Minha Casa, Minha Vida, Bolsa Família, Prouni, entre outros.

10demaio

Compartilhe:

Deixe seu recado