Alimentos elevam índice de inflação em setembro

Ao todo, os preços dos alimentos subiram 1,08% e responderam por pouco mais da metade do índice, 52%. As despesas com habitação subiram para 0,43%, com destaque para os reajustes nos preços do aluguel. Os outros indicadores, como despesas pessoais e gastos com vestuário, transportes, comunicação, saúde e cuidados pessoais e educação, não variaram a ponto de influenciar o índice de inflação.

No acumulado dos últimos 12 meses, o IPCA-15 fechou em 5,31%, abaixo dos 12 meses imediatamente anteriores (5,37%). No acumulado do ano, o índice é de 3,81% -inferior ao do mesmo período de 2011 (5,04%).

Compartilhe:

Deixe seu recado