Bancários em greve tomam ruas de Salvador

A intenção é pressionar a Federação Nacional dos Bancos e apresentar uma proposta decente durante a negociação desta terça-feira (13/09), em São Paulo, e pela retomada das conversas no BB e na Caixa.

Os bancários pretendem manter a greve nacional ainda mais forte, se os bancos não apresentarem uma proposta satisfatória, com aumento real. A categoria reivindica reajuste de 14,78%, PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de três salários mais R$ 8.317,90, contratações e segurança.

Fonte: CTB Bahia

Compartilhe:

Deixe seu recado