Comerciários do Atacadão cruzam os braços

Os comerciários do Atacadão Cajazeiras cruzaram os braços na manhã desta quarta-feira (30/03) em protesto contra novos abusos praticados pela empresa. A loja está desrespeitando o direito constitucional de livre expressão ao impedir a comunicação entre colegas no ambiente de trabalho. Devido a essa repressão, os funcionários criaram um blog e pagaram preço alto por isso: cinco trabalhadores foram demitidos por justa causa (indevidamente) e 12 punidos com advertência, por acessarem o blog e se comunicarem por meio da ferramenta.

Diversos problemas

Esse comportamento é somado aos diversos problemas enfrentados pelos trabalhadores dos supermercados e atacados de Salvador como: pressão das chefias, assédio moral, desvio de função, jornada de trabalho abusiva, entre outros. O Sindicato convocou a empresa para uma reunião para tratar desses e de outros assuntos e acontecerá hoje às 14h, na sede do Sindicato. Além disso, a entidade vai negociar acordos e condutas para compor a Convenção Coletiva de 2011. “Não vamos permitir mais esse abuso por parte das empresas. Vamos continuar com as manifestações e mobilizações até que elas corrijam suas condutas. Caso não haja acordo, vamos acionar os órgãos públicos para que sejam tomadas as devidas providências e os trabalhadores tenham seus direitos garantidos”, afirmou Jaelson Dourado, Presidente do Sindicato.

Os comerciários de Salvador decretaram Estado de Greve na assembleia realizada em 17/03, devido a falta de um acordo junto aos patrões para a Campanha Salarial 2011. Os funcionários da rede Bompreço já entenderam o recado e pararam as atividades de várias lojas. Agora é a vez dos funcionários do Atacadão reivindicarem seus direitos.

Compartilhe:

Deixe seu recado