Comerciários ocupam shopping Piedade

Em Campanha Salarial, os comerciários estão há quatro meses e 11 rodadas sem avanços nas negociações. Os empresários lojistas estão oferecendo um reajuste de 8%, sem retroatividade, com congelamento do vale-refeição e demais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho. Só a inflação do período da data-base (março) dos comerciários foi de 11,08%.

Diante de uma proposta indecente e desrespeitosa com a classe trabalhadora, os comerciários aprovaram, em assembleia, na última segunda-feira, o estado de greve, com a sequência do movimento #OcupaShopping, como forma de construir a paralisação do comércio da capital baiana.

Jaelson Dourado, presidente do Sindicato, relata que enquanto a assinatura da Convenção Coletiva 2016 não acontecer, as mobilizações acontecerão em vários Shopping’s. “Estamos percorrendo vários Shoppings da capital para forçar a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho que garanta o reajuste salarial para os trabalhadores do comércio de Salvador. Assim como hoje, a categoria está se mobilizando nas ruas, dentro e fora do Shopping Piedade. Amanhã estaremos mais uma vez na luta em mais um Shopping da capital”, afirmou o presidente.

O presidente Jaelson afirma que a construção da greve está sendo feita com a adesão dos trabalhadores, por um reajuste digno e pela valorização do piso salarial. “Agora é greve”, assegura Dourado.

Veja as fotos e vídeos do Movimento #OcupaShopping, clicando aqui.

Por Karoliny Lima da Ascom / Sindicom

Compartilhe:

Deixe seu recado