Comércio fica em 2º lugar na geração de empregos

Foram criados 94.389 postos no setor. Em seguida, vêm o comércio, com 44.336 vagas, e a indústria de transformação, com 35.914.

Entre os estados, São Paulo registrou  o maior número de novos postos com carteira assinada (53.033). O Rio de Janeiro é o estado onde houve a segunda maior geração de empregos, com 19.865 vagas, seguido de Pernambuco, com 18.613.

Entre as regiões, a Sudeste teve o maior número de empregos criados em agosto (74.895), seguida da Nordeste (59.513) e da Sul (27.457). As regiões Centro-Oeste e Norte geraram, respectivamente, 15.096 e 13.485 empregos.

No total, foram criadas 190.446 vagas em agosto e, no acumulado do ano, 1,82 milhão. Segundo o Ministério do Trabalho, a geração de empregos este ano deverá ficar um pouco abaixo da meta de 3 milhões de empregos, entre 2,7 milhões e 2,8 milhões.

Compartilhe:

Deixe seu recado