Decisão com supermercados fica para dia 27

Em mais uma rodada de negociações da campanha salarial 2019, com o setor de supermercados, os empresários mantiveram a mesma posição da reunião anterior.

Oferecem: reajuste salarial de 3,94% (só a inflação do período), reajuste para demais cláusulas econômica de 2,80%, jornada normal nos dias de domingos, jornada de 36h com salário proporcional (menor) e fim do Dia dos Comerciários.

Logicamente, o SintraSuper não aceitou e apresentou a proposta de reajuste de 4,5% para os pisos e 4% para as demais cláusulas econômica; jornada máxima no domingo de 7h20, com pagamento desses dias, e manutenção das cláusulas sociais da convenção anterior.

“As empresas precisam avançar nesses pontos. Os trabalhadores e as trabalhadoras de supermercados merecem uma maior valorização. Se o setor está conseguindo passar bem pela crise, é graças ao esforço da categoria nas lojas. Esperamos assinar o acordo no dia 27, se eles melhorarem as propostas”, afirma Rosa de Souza, presidenta do SintraSuper.

Compartilhe:

Deixe seu recado

Deixe seu recado