Dia 21, primeira assembleia da campanha salarial

Esse ano, os trabalhadores e as trabalhadoras do comércio terão que atuar unidos com o sindicato na campanha salarial. Além da irresponsabilidade do Sindilojas, a Medida Provisória 905 liberou o funcionamento das lojas aos domingos.

A MP é absurda. Segundo o texto, poderá haver trabalho aos domingos sempre que as empresas decidirem abrir, só garantindo uma folga, em pelo menos um domingo a cada quatro semanas.

Isso torna tudo mais difícil. Certamente, os empresários vão querer dificultar as negociações e a assinatura da Convenção Coletiva.  A MP foi assinada em novembro de 2019 e, em Salvador, o prefeito ACM Neto mudou a Lei Oliveira (que estabelecia acordo para a abertura do comércio aos domingos e feriados).

CONVENÇÃO COM SUPERMERCADOS E 71 ACORDOS LOJISTAS

Mesmo em um quadro difícil, ano passado conseguimos assinar Convenção Coletiva com o setor de supermercados e acordos com 71 empresas lojistas, beneficiando muitos trabalhadores. Isso garantiu: pagamento dos domingos e feriados, folga, alimentação e transporte.

LOJISTAS DEVEM R$ 876,24

Lembre-se que os lojistas devem (desde 2018) R$ 876,24 para quem ganha o piso maior. O cálculo é baseado nos acordos que o sindicato assinou com várias empresas: 6,74% de aumento, pelos dois anos. Em um salário de R$ 3 mil em 2018, por exemplo, a perda é de R$ 2.466,12.

PARTICIPE DA ASSEMBLEIA
Por isso, a campanha salarial precisará muito de você. A primeira assembleia será dia 21/01 (terça), às 19h, no Sindicato (Rua Francisco Ferraro, ao lado do Colégio Central).

Compartilhe:

Deixe seu recado