Golpistas, machistas e racistas atacam Marcha das Mulheres Negras

Prova disso foi a forma como o machismo, o racismo e o fascismo as trata, como aconteceu com a chegada da Marcha ao Congresso Nacional. Manifestantes golpistas que se encontram acampados no gramado do Congresso, receberam as mulheres negras com disparos de armas de fogo e rojões contra elas.

Apesar do tumulto e da correria, num movimento que congregava, inclusive idosas e crianças, a Marcha não recuou. Ao contrário, ecoou dentro do Congresso Nacional, com a manifestação de diversas parlamentares.

golpista

A Senadora Vanessa Grazziotin (PcdoB/AM) solicitou ao presidente do Senado, Renan Calheiros, que a Polícia Legislativa fizesse uma revista ao acampamento, já que a área pertence ao Congresso Nacional. Na semana passada, a polícia já havia prendido um sargento reformado da polícia que participava do acampamento com uma pistola e várias armas brancas.

A deputada Luciana Santos, presidenta do PCdoB disse que “estava vindo com a Marcha das Mulheres Negras em direção ao Congresso Nacional quando um manifestante pró-impeachment atirou para cima no meio da marcha. Foram 3 tiros! Uma manifestação de ódio e intolerância que nós não podemos aceitar. O PCdoB vai reagir à altura e solicitar à mesa diretora da Câmara e do Senado que não permita esse acampamento com pessoas armadas, perto do Congresso Nacional. Isso vai de encontro a qualquer tipo de manifestação plural e democrática”.

Com informações do Portal Vermelho

Compartilhe:

Deixe seu recado

Deixe seu recado