Hora de parar pra acertar no Iguatemi

Não dá pra inovar brincando com a vida das pessoas. O Sindicato continua mobilizando os comerciários e as comerciarias do Iguatemi contra o absurdo do novo horário. A diretoria da entidade fez manifestação nesta segunda-feira (14) para mobilizar a categoria com o objetivo de reverter esse absurdo.

– No shopping, até os lojistas, não concordam com o horário das 12h às 22h. Eles conhecem bem o comportamento do consumidor baiano. Além disso, sabem que isso significa mais custos para manter as lojas abertas por mais tempo – disse Jaelson Dourado, presidente da entidade.

Para o dirigente Reginaldo Oliveira, autor da lei que estabelece o acordo para a abertura do comércio nesses dias, lojistas e comerciários estão em sintonia com a realidade de Salvador. “Todo mundo sabe que num dia atípico como o domingo, o número de ônibus diminui e a violência é maior nos finais de semana. O Sindicato já recebeu denúncias sobre os constantes assaltos durante a semana, em frente ao shopping”, afirmou.

Ainda segundo Oliveira, a administração do Iguatemi não pode deixar de ouvir o sentimento de empresários e trabalhadores. “Isso pode interferir nos próximos acordos entre o Sindicato e os lojistas. A abertura negociada é justamente para que nenhuma das partes seja prejudicada, especialmente a categoria comerciaria”, ressaltou.

Além de já ter solicitado uma reunião com o Sindicato dos Lojistas e a Associação dos Lojistas do Iguatemi, o Sindicato continuará com as manifestações e a mobilização da categoria. Chegou a hora de PARAR PARA ACERTAR. Não dá para fazer experiências ditas “inovadoras”, brincando com a vida das pessoas.

Compartilhe:

Deixe seu recado