Lançado edital para obras que vão melhorar o acesso à Arena Fonte Nova

A iniciativa é do Governo do Estado, por intermédio da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado (Sedur). O objetivo das rotas de pedestres é requalificar os caminhos de ligação até à nova arena e a proposta do projeto é construir quatro rotas.

As duas primeiras vão ligar o Porto de Salvador e a região do Comércio à Fonte Nova, passando pelo Elevador Lacerda, Centro Histórico, Baixa dos Sapateiros e Desterro. A terceira rota sairá da Estação Brotas do Metrô, desce para o Dique do Tororó até atingir o estádio. A quarta rota terá início na Praça da Piedade, segue pela Avenida Joana Angélica, passa pelo Campo da Pólvora e finalmente chega à Arena.

Sistema viário

Segundo o chefe de gabinete da Sedur, Eduardo Copello, as rotas contarão com calçadas amplas, piso tátil, rampas para cadeirantes e sistema de iluminação, facilitando o acesso de pedestres ao estádio e estações do metrô, beneficiando a população da capital baiana durante e depois da Copa 2014.

O sistema viário é composto por quatro viadutos e tem como finalidade facilitar a fluidez do tráfego no entorno e viabilizar o acesso ao estacionamento da Arena, minimizando os impactos na circulação de veículos em dias de eventos.

A previsão é que sejam investidos em todo o projeto cerca de R$ 40 milhões, recursos garantidos por dois contratos de repasses firmados entre o Governo do Estado da Bahia e o governo federal, por meio do Ministério das Cidades e da Caixa Econômica Federal. As obras serão iniciadas no final de dezembro deste ano, com duração prevista para 12 meses.

Compartilhe:

Deixe seu recado