Lojas Esplanadas em Salvador é condenada por assédio moral

Nos depoimentos dos trabalhadores foram relatados casos de constrangimentos, xingamentos e exposição de nomes de funcionários que não conseguiam “bater” metas. Ainda segundo a juíza, o valor da indenização deve ser revertido ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Caso haja descumprimento da Justiça do Trabalho, a empresa deverá pagar multa diária de R$1 mil

 

Compartilhe:

Deixe seu recado