Manifestação no Shopping da Bahia prepara futuras paralisações

Por conta da intransigência do setor lojista, que não assina a Convenção Coletiva de Trabalho, o Sindicato dos Comerciários realizou uma manifestação no Shopping da Bahia. O ato aconteceu na tarde desta quinta (15), dentro do estabelecimento comercial.

“São 4 anos sem acordo e sem reajuste por conta da irresponsabilidade dos lojistas. As próprias entidades patronais (associações do setor) enviaram documento sinalizando para assinar a Convenção. Depois, resolveram brincar com a vida de 80 mil pais e mães de família. Cerca de 98% da categoria passou a ganhar salário mínimo com esse descaso”, disse o presidente do Sindicato, Renato Ezequiel.

Segundo o dirigente, a entidade sempre buscou o diálogo, assinando acordos específicos com várias empresas lojistas. Recentemente, assinou termo com o Sindilojas para os feriados de 01 de maio e 03 de junho, garantindo o Dia dos Comerciários e o pagamento pelo trabalho nesses dias.

“O mais absurdo é que houve um compromisso dos lojistas de, até o dia 10/05, tratar da assinatura da Convenção Coletiva. Mas, nada. Essa atitude de não negociar é uma prática antissindical, pois o acordo depende da disposição das duas partes. Essa irresponsabilidade passou de todos os limites. Vamos reagir com firmeza. Exigimos respeito”, enfatizou Ezequiel, afirmando que foi só a preparação de futuras paralisações no comércio.

 

Compartilhe:

Deixe seu recado