No futebol dos comerciários, lazer e luta se misturam

Neste domingo, 9, a bola rolou na abertura do 18º Campeonato de Futebol Society dos Comerciários. Na quadra do Imbui, foram realizados cinco jogos, com 25 gols marcados, média de 4,6 gols por partida.

O secretário de Esporte Helmans destacou a organização do torneio este ano. “A competição será de pontos corridos, todos contra todos nas suas chaves. Classificam-se os quatro primeiros de cada chave, para o mata-mata. Temos 16 novas equipes, e todas afirmam que vieram para ganhar o título. A expectativa é de grandes jogos”, afirmou.

Além do lazer, o torneiro também é importante para a reflexão. O presidente do Sindicato, Jaelson Dourado, denunciou os ataques do governo aos direitos trabalhistas. “Temos que nos unir para garantir nossas conquistas históricas. O presidente Temer quer ampliar o golpe que deu em Dilma Rousseff. Já aprovou a terceirização e quer aplicar as reformas da Previdência e trabalhista. Vamos reagir e virar esse jogo, também”, frisou.

A CTB Bahia foi representada na abertura do campeonato com sua vice-presidenta, Rosa de Souza, que conclamou a todos para a greve geral no fim do mês. “A Central sempre prestigia as atividades esportivas e culturais dos sindicatos. Fazemos política, mas também sabemos da importância do esporte, do lazer e da cultura na vida dos trabalhadores. Aproveitamos e convocamos a categoria comerciária a parar no dia 28 de abril. É a greve geral contra as reformas perversas de Michel Temer”, declarou.

Compartilhe:

Deixe seu recado