O comércio vai parar. O bicho vai pegar!

Oferecer apenas 4,36% de reajuste e congelar o valor pago aos domingos e feriados para quem ajudou o comércio crescer 7% o ano passado parece piada de mau gosto. Não deixaremos esse descaso continuar.

O Sindicato pretende fazer inúmeras manifestações e paralisações para garantir que a categoria possa ter um retorno digno de todo o esforço feito para tornar o comércio local o terceiro maior do Brasil e o maior do Norte e Nordeste.

Não podemos aceitar que, depois de várias rodadas de negociações, os patrões se mostrem irredutíveis em atender reivindicações justas, como a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais e a instalação de mais restaurantes do Sesc aonde tem comércio e comerciários trabalhando.

A única maneira de reverter a situação é radicalizar as ações até o final de março. Esse ano, o tema da campanha está em sintonia com mais um ano positivo do comércio: “Quem faz o comércio crescer, merece mais valor” e nessa linha vamos trabalhar para garantir os nossos direitos. O comércio vai parar e o bicho vai pegar

Compartilhe:

Deixe seu recado