Perini desrespeita os comerciários

As equipes de fiscalização do Sindicato começaram o seu trabalho, desde as primeiras horas da manhã. As denúncias de empresas que não respeitam os trabalhadores foram chegando e a fiscalização se deslocando para os locais, com a finalidade de autuar as empresas.

O caso mais emblemático, no entanto, foi o da Perini. Sob o argumento de que é padaria e não supermercado, a empresa abriu suas portas e obrigou os comerciários a trabalharem no seu dia, numa clara demonstração de total descaso com os trabalhadores.

Ao tomar conhecimento, Sindicato dos Comerciários e FEC Bahia (Federação dos Empregados no Comércio) se dirigiram ao local e realizaram um protesto, em frente à empresa.

O presidente do Sintrasuper, Adilson Alves, avisou que a entidade não vai se calar diante dessa arbitrariedade e acionará a empresa judicialmente.

Por Sônia Corrêa – Ascom Sindicom

Compartilhe:

Deixe seu recado