Preço da cesta básica dispara em um mês em Salvador

Segundo a medição do instituto, o pacote com os 12 produtos imprescindíveis na mesa dos brasileiros custou, na capital baiana, 17,85% mais caro em janeiro do que em dezembro.

A alta surpreendente fez com que a cesta básica em Salvador passasse a custar agora R$ 267,65, contra R$ 227,12 no final do ano. O índice é tão alto que, comparado à alta que houve entre dezembro de 2011 e janeiro de 2012, assusta. Naquela época, os preços ficaram apenas 2,25% mais caros. As altas da cesta básica em Salvador vinham num crescente discreto, mas o “boom” de janeiro fez com que o acumulado dos últimos 12 meses marcasse alta alarmante de 24,95% na cidade.

O índice de alta fez com que Salvador liderasse de longe entre as cidades que tiveram aumentos de preços em todo o Brasil. Apenas Natal (12,48) e Brasília (11,3%) chegam perto dos reajustes da capital baiana. Mesmo assim, ainda permanece como a quinta cesta mais barata do Brasil, sendo a de João Pessoa (PB) a mais barata, com R$ 252,13 e São Paulo a mais cara, com R$ 318,40.

De acordo com o Dieese, 11 dos 12 alimentos pesquisados ficaram mais caros. Somente a banana aliviou os bolsos dos consumidores e ficou 8,15% mais barata. Já feijão, açúcar, carne, arroz e leite tiveram expressivas altas. Farinha e tomate ficaram quase 67% mais caros no mês. A farinha foi a vilã do ano, pois mais que duplicou seu preço, acumulando aumento de 124% ao longo de 12 meses.

Compartilhe:

Deixe seu recado