Setre promove oficina para igualdade de gênero e raça

A abertura da oficina contará com a presença de representantes da Setre e das secretarias da Administração, de Promoção da Igualdade e de Políticas para as Mulheres, além da coordenadora da Agenda Bahia do Trabalho Decente, Patrícia Lima. As aulas acontecem no auditório da Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (Sucab), no Centro Administrativo da Bahia.

A Formação de Gestores do Programa de Igualdade de Gênero e Raça (GRPE) integra as ações da Agenda Bahia do Trabalho Decente dentro dos eixos de Promoção da Igualdade e do Serviço Público. A realização da oficina é parte do plano de ação do Comitê Pró-Equidade de Gênero e Raça da Setre, parceira na realização do evento.

As discussões no curso devem girar em torno das condições e causas da pobreza para mulheres e homens, negros e brancos, além de como o gênero e a raça podem ser fatores que determinam as possibilidades de acesso, remuneração, ascensão e permanência no emprego.

Neste programa, foram qualificados dezenas de servidores de secretarias estaduais, que refletiram sobre a importância da implementação e monitoramento das políticas públicas de gênero e raça na Bahia como mecanismo para a geração de emprego e combate à pobreza.

Entre as estratégias colocadas, o GRPE tem como lastro o desenvolvimento de uma base de conhecimentos sobre as relações entre pobreza, emprego, gênero e raça, por meio de três linhas de estudo: sensibilização, capacitação e formação de gestores públicos e outros atores sociais (em particular organizações sindicais e de empregadores).

Compartilhe:

Deixe seu recado