Terça é dia de ir às ruas contra a retirada de direitos

Em Salvador, a orientação é que os classistas mobilizem os trabalhadores para participar da caminhada convocada pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, que sairá às 15h do Campo Grande, em direção à Praça Castro Alves.

A participação de todos é muito importante. “Temos que continuar nas ruas para deter os avanços contra os direitos sociais e trabalhistas. A cada dia sofremos mais ataques deste governo ilegítimo. A proposta de reforma da Previdência é um absurdo e precisamos deixar claro que não vamos aceitar estas mudanças, que penaliza todos os trabalhadores. Vamos todos ocupara as ruas e gritar fora Temer, nenhum direito a menos”, conclama o presidente da CTB Bahia, Aurino Pedreira.

Fonte: CTB Bahia

Compartilhe:

Deixe seu recado